sábado, 2 de agosto de 2008

Festa estragada no fim

Moutinho dividiu bancadas enquanto no jogo do relvado faltou sentido práctico



Sporting-1, PSV-1 ;

Com Alvalade longe de estar cheio, o Sporting apresentou-se aos seus associados numa festa em que a principal atracção era o encontro frente ao PSV mas também.... João Moutinho.
O Sporting até começou bem e logo aos 6' minutos adiantou-se no marcador com um golo de Vukcevic a rematar de primeira após cruzamente de Grimi na esquerda. Vukcevic que foi dos melhores jogadores "leoninos" juntamente com Rochemback que mostrou outra vez ser o "maestro" do conjunto «verde e branco».
Dos reforços, para além de Rochemback também Caneira e Postiga inciaram como titulares a partida. Caneira formou com Polga a dupla de centrais, e Postiga ao longo do tempo que esteve em campo foi um jogador bastante pressionante e esforçado.
O Sporting foi sempre superior, e o PSV quase não se viu, ainda assim a equipa "leonina" esqueceu-se do mais importante, os golos, daí talvez os adeptos esperassem muito mais do jogo.
No segundo tempo Paulo Bento apresentou uma equipa nova retirando mesmo todos os 11 jogadores que haviam iniciado o jogo, proporcionando também a estreia ao jovem guardião Ricardo Baptista.
João Moutinho foi um dos que apenas jogou na segunda parte, e se fechásse-mos os olhos facilmente identificáva-mos as vezes em que Moutinho tocava na bola tal era o ruído no estádio devido á mistura de assobios e aplausos que dividia assim as bancadas de Alvalade.
Após as declarações do jovem no passado fim-de-semana há muita gente que não perdoou, e infelizmente pôde lêr-se cartazes no estádio e ouvir cânticos insultuosos para um jogador da casa, algo que deve ser quase inédito.
Voltando ao jogo, o Sporting não mostrou muito mais apesar de continuar a ser superior á equipa holandesa. Os últimos minutos foram mesmo para esquecer, com o lateral Pedro Silva a acabar por vêr o cartão vermelho por protestos e três minutos depois, aos 87' o PSV chegou mesmo ao empate com Wuytens a desviar a bola de Baptista após falha de marcação de Yannick.
O próximo e último jogo de preparação antes da Supertaça com o FC Porto, será frente à equipa italiana da Sampdoria no próximo sábado, também em Alvalade.

4 comentários:

RM disse...

quem quiser acompanhar pelo telemóvel de forma GRATUITA os live scores da liga pode consultar este link:

http://lugardoconhecimento.wordpress.com/2008/07/29/resultados-de-futebol-em-directo-no-telemovel/

e seguir as instruções…

blackjack disse...

Sim realmente o sporting podia ter feito melhor, mas o futebol é mesmo assim, se bem que o guarda-redes Ricardo Batista, foi na minha opinião, mal batido.

Quanto ao PSV,tem ali matéria para estudar, Alcides pode ser um grande central, mas para evoluir precisa de um clube maior.

Cumprimentos.

Tite disse...

Felizmente que na 1ª parte não estava o JM e deu para perceber que a equipa melhorou desde o último jogo do Torneio do Guadiana.
Infelizmente o desassossego dos adeptos após a entrada do JM fez desatinar a equipa com os resultados que se viram...
Afinal... querem ou não querem o JM no plantel?
Então há que parar de assobiar e vamos apoiar a equipa como um todo!
SL

Renata A. disse...

Foi um bom jogo, na medida do possível, mas alguns erros custaram-nos o empate. Mesmo assim, apesar de algumas desantenções, este Sporting mostra que tem opções válidas e já conta com algumas jogadas estudadas.
Mas numa noite em que a protagonista devia ser a equipa, Moutinho assumiu esse papel. As bancadas de Alvalade estão divididas entre o apoio ou as vaias ao médio leonino. Se quisermos um Sporting campeão, o apoio dos adeptos é essencial em qualquer situação.

SL